em Portuguêsem outros idiomas

Vigilância Líquida (Portuguese Edition)

Atualmente, nos governos, no setor privado e, sobretudo, no ramo de prote-ção,impera uma noção onipresente de segurança - contra ameaças terroristas, contra a ação de hackers, mas também contra os outros, os desconhecidos. Já que o risco nos espreita nos mais inesperados recantos da vida cotidiana, acatamos as medidas de segurança para o nosso próprio bem - e assim nos tornamos "servos voluntários" de uma vigilância que não se mostra, invisível, mas que nos vê.Em Vigilância líquida, Zygmunt Bauman reflete sobre a fluidez da segurança no mundo de hoje. E explica a proliferação, em toda parte, dos dispositivos de controle, que incluem desde câmeras de vigilância a escâneres corporais. Como tudo na modernidade líquida, a vigilância se dilui e se insinua no dia a dia, culminando com os mecanismos de fiscalização digital, postos em prática pela internet e as redes sociais.
159 páginas | Publicado por Zahar em 16/01/2014 | Autoria: Zygmunt Bauman, David Lyon

Amor Líquido: Sobre a fragilidade dos laços humanos (Portuguese Edition)

A modernidade líquida – um mundo repleto de sinais confusos, propenso a mudar com rapidez e de forma imprevisível – em que vivemos traz consigo uma misteriosa fragilidade dos laços humanos, um amor líquido. Zygmunt Bauman, um dos mais originais e perspicazes sociólogos em atividade, investiga nesse livro de que forma nossas relações tornam-se cada vez mais "flexíveis", gerando níveis de insegurança sempre maiores. A prioridade a relacionamentos em “redes”, as quais podem ser tecidas ou desmanchadas com igual facilidade – e freqüentemente sem que isso envolva nenhum contato além do virtual –, faz com que não saibamos mais manter laços a longo prazo. Mais que uma mera e triste constatação, esse livro é um alerta: não apenas as relações amorosas e os vínculos familiares são afetados, mas também a nossa capacidade de tratar um estranho com humanidade é prejudicada. Como exemplo, o autor examina a crise na atual política imigratória de diversos países da União Européia e a forma como a sociedade tende a creditar seus medos, sempre crescentes, a estrangeiros e refugiados. Com sua usual percepção fina e apurada, Bauman busca esclarecer, registrar e apreender de que forma o homem sem vínculos — figura central dos tempos modernos — se conecta.
192 páginas | Publicado por Zahar em 21/06/2004 | Autoria: Zygmunt Bauman

Bauman sobre Bauman: Diálogos com Keith Tester (Portuguese Edition)

Quem é Zygmunt Bauman? O que faz Bauman? Por que um dos principais sociólogos contemporâneos faz o que faz? Essas três perguntas guiam os cinco diálogos que o sociólogo Keith Tester manteve com Bauman na primavera/verão de 2000, reunidos agora nesse volume. Durante as conversas, o pensador revisita sua própria obra, cita os autores que o influenciam, revela os conceitos-chave para a leitura de seus textos, os planos para o futuro, além de lembrar aspectos marcantes de sua vida, como a juventude na Polônia e a importância da esposa em sua compreensão do Holocausto. Os leitores familiarizados com a obra de Bauman encontrarão aqui resposta para algumas perguntas que gostariam de fazer ao autor, com a facilidade de encontrar suas ideias organizadas por temas: os horizontes da sociologia; ética e valores humanos; o caráter ambivalente de modernidade; individualização e sociedade de consumo; o papel da política. Aqueles que acabam de descobrir esse engajado pensador terão um ponto de partida útil para orientar a leitura de uma obra essencial para a compreensão do mundo em que vivemos.
166 páginas | Publicado por Zahar em 21/01/2011 | Autoria: Zygmunt Bauman

Tempos líquidos (Portuguese Edition)

Uma reflexão profunda sobre a insegurança, sobretudo nas grandes cidades. Terrorismo, desemprego, solidão – fenômenos típicos de uma era na qual, para Bauman, a exclusão e a desintegração da solidariedade expõem o homem aos seus temores mais graves.• Mostra como as cidades, que originalmente foram construídas para fornecer proteção ao cidadão, se tornaram um ambiente inseguro. • Os livros de Bauman já venderam mais de 100 mil exemplares no Brasil e são lidos por um público amplo que vai de sociólogos a pessoas que buscam orientação sobre temas candentes da atualidade.
105 páginas | Publicado por Zahar em 06/07/2007 | Autoria: Zygmunt Bauman

Sobre educação e juventude: conversas com Riccardo Mazzeo (Portuguese Edition)

Nesse livro contundente, o sociólogo Zygmunt Bauman reflete sobre o destino dos jovens e o papel da educação e do educador na era da modernidade líquida, indicando alguns caminhos. Segundo ele, cabe ao educador fomentar o espírito crítico dos estudantes, fornecendo as condições para viverem em um mundo cada vez mais multifacetado.
117 páginas | Publicado por Zahar em 04/04/2013 | Autoria: Zygmunt Bauman

Danos colaterais: desigualdades sociais numa era global (Portuguese Edition)

Em uma guerra, ninguém assume a responsabilidade pelos danos colaterais: a morte de civis, o bombardeio de prédios, escolas, hospitais... Da mesma forma, Zygmunt Bauman defende que as vítimas das ações políticas e econômicas também não são atendidas ou levadas em conta. São homens e mulheres sacrificados pelo processo de globalização e que ainda acabam culpados por sua exclusão.No mundo líquido-moderno, os desfavorecidos são os danos colaterais de uma sociedade voltada para o lucro e orientada pelo consumo. Em onze ensaios, Bauman examina a relação entre o crescimento da desigualdade social e a expansão do volume de "danos colaterais".
203 páginas | Publicado por Zahar em 17/01/2013 | Autoria: Zygmunt Bauman

Em busca da política (Portuguese Edition)

O argumento central desse livro reside na idéia de que a liberdade individual só pode ser produto do trabalho coletivo, ou seja, só pode ser garantida coletivamente. Entretanto, como mostra Zygmunt Bauman, hoje rumamos para a privatização dos meios de assegurar esta liberdade – projeto que, se pretende ser um tratamento contra os males atuais, está fadado aos mais funestos resultados. Em mais um brilhante ensaio, Bauman busca tornar novamente possível a arte de traduzir os problemas pessoais em questões de ordem pública – imperativo vital e urgente para a renovação da política. Uma verdadeira investigação sobre a relação entre a estrutura do mundo atual e a maneira como nele vivemos. Zygmunt Bauman, sociólogo polonês, iniciou sua carreira na Universidade de Varsóvia, onde ocupou a cátedra de sociologia geral. Em 1968 emigrou, reconstruindo sua carreira no Canadá, Estados Unidos, Austrália e Grã-Bretanha, onde em 1971 tornou-se professor titular de sociologia da Universidade de Leeds, cargo que ocupou por vinte anos.
213 páginas | Publicado por Zahar em 01/06/2000 | Autoria: Zygmunt Bauman

Capitalismo Parasitário e outros temas contemporâneos (Portuguese Edition)

O aclamado sociólogo Zygmunt Bauman lança nesse novo livro o seu olhar crítico sobre temas variados do mundo contemporâneo: cartões de crédito, anorexia, bulimia, a crise financeira de 2009 e suas possíveis soluções, a inutilidade da educação nos moldes atuais, a cultura como balcão de mercadorias... Todos são fenômenos que colaboram para o mal-estar dominante em nossas sociedades, e estão brilhantemente relacionados ao conceito de liquidez desenvolvido pelo sociólogo. Aspectos tão diferentes são articulados de maneira densa, produzindo uma compreensão singular das raízes desse mal-estar. Mais uma vez, as ideias de Bauman orientam e iluminam nossa compreensão da atualidade, tocando na raiz dos problemas da vida cotidiana.
53 páginas | Publicado por Zahar em 21/05/2010 | Autoria: Zygmunt Bauman

A Cultura no Mundo Líquido Moderno (Portuguese Edition)

Um dos mais brilhantes e influentes pensadores da atualidade, Zygmunt Bauman rememora os deslocamentos históricos do conceito de cultura e examina seu destino num mundo marcado pelas novas e poderosas forças da globalização, da migração e da coexistência bélica de populações. Em nossa era líquido-moderna, na qual todas as hierarquias se dissolvem e os indivíduos passam de produtores a consumidores, a cultura já não é humana, mas de grupos, de guetos, e a agenda contemporânea põe na ordem do dia temas como cidadania, direitos humanos e convivência. Contudo - alerta-nos Bauman -, mais que lutar pelos direitos da diferença, deveríamos nos empenhar pelo direito à igualdade.
95 páginas | Publicado por Zahar em 10/10/2013 | Autoria: Zygmunt Bauman

A ética é possível num mundo de consumidores? (Portuguese Edition)

"Este livro é o relatório de um campo de batalha." Com essa afirmação, Zygmunt Bauman abre a coletânea que reúne seis de suas conferências proferidas no Instituto de Ciências Humanas de Viena, em 2008. A ética é o ponto em comum entre cada um dos textos. O autor sugere que seja adotada uma nova lógica que nos permita ler a realidade atual e apresente uma tentativa desafiadora de captar o mundo em movimento.Dialogando com pensadores como Hannah Arendt, Jacques Derrida e Norbert Elias, o sociólogo reflete sobre o papel da arte no mundo líquido moderno; o dilema da Europa frente aos estrangeiros; a banalização da ideia do Holocausto; a impossibilidade de se debater a liberdade pelo predomínio do medo e da insegurança; a educação e o desenvolvimento de uma atitude ética, em um século dominado por forças antagônicas, como a globalização e políticas de forças locais. Seis textos que refletem lúcidos estudos da sociedade contemporânea.
249 páginas | Publicado por Zahar em 29/08/2011 | Autoria: Zygmunt Bauman
  1    2    3    4   Próxima »   Última página »