em Portuguêsem outros idiomas

As Cinco Linguagens Do Amor

Nesta obra, o autor pretende apresentar como é possível expressar um compromisso de amor, demonstrando que as pessoas expressam e recebem manifestações de diferentes maneiras, que ele denomina 'linguagens do amor'. São elas - Qualidade de tempo, Palavras de Afirmação, Receber Presentes, Formas de Servir e Toque Físico.
216 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão

LINGUAGENS DE AMOR

Deus se superou quando criou o sentimento do amor entre homens e mulheres, e o sexo como prática definitiva desse amor. Mas como tudo o que Deus criou e estabeleceu, com o tempo desvirtuamos os objetivos do Criador. Vivendo numa sociedade de extremos, em que ora vulgariza o sexo ora o conserva em tabu, temos dificuldade em desfrutá-lo até mesmo no casamento. Nele, o sexo é capaz de conduzir a relação aos mais elevados níveis de satisfação e estabelecer vínculos psicológico e espiritual únicos. Gary Chapman atesta em Fazer amor que o sexo, quando resultante do amor, torna-se não apenas uma experiência profundamente emocional e prazerosa, mas constitui fator de união e, consequentemente, de realização pessoal entre duas pessoas. No fundo, é isso que todos os casais querem, mas nem todos alcançam. Por isso, Gary Chapman, valendo-se de mais de 30 anos de aconselhamento conjugal, vem ajudar e orientar vocês. Vocês dois. Afinal este é um livro para ser lido a dois, embaixo do lençol.
384 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2009

AS QUATRO ESTAÇÕES DO CASAMENTO

Os orientais avaliam ânimos e humores pelas estações do ano. E os casamentos, em certo sentido, se assemelham muito aos sentimentos que cada uma delas propicia. O verão é cheio de alegria, celebração e atividade. O outono carrega ares de tristeza, angústia e perda. A primavera traz expectativas, promessas e a oportunidade do recomeço. O inverno, por sua vez, é a época da frieza, da indiferença e do isolamento. Em qual das estações você vive com seu cônjuge? O que tem feito para tornar seu relacionamento cada vez mais estável, feliz e emocionalmente rico? Gary Chapman, autor de As cinco linguagens do amor - um sucesso que gerou várias continuações e presença constante em listas de mais vendidos, entre as quais a liderança por várias semanas do ranking de livros religiosos da respeitadíssima Publishers Weekly -, tem uma ajuda preciosa para oferecer.
216 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2006

ZERO A ZERO

Quando um não quer, dois não brigam”, afima o adágio. No casamento, porém, isso pode ser insuficiente. Não são poucos os casos de simples divergências conjugais que, ignoradas hoje, culminam depois em acusações, constrangimento, agressões verbais e, eventualmente, até em separação. A situação torna-se ainda mais grave quando marido e mulher tendem ao litígio. De amigos, tornam-se rivais. E mesmo quando um dos cônjuges acha que deu a última palavra e ganhou a discussão, não há nada que comemorar: à noite, dormirá na companhia de um perdedor. Mais de trinta anos dedicados ao aconselhamento familiar credenciam Gary Chapman a mostrar neste livro que, para chegar à solução dos conflitos conjugais, não basta se recusar a discutir. Se, por um lado, não existem casamentos imunes a desavenças, por outro é possível resolvê-las (e até amadurecer o relacionamento) quando há disposição sincera de assumir atitudes baseadas em amor, respeito e cooperação — ouvir o cônjuge, compreender suas razões, encontrar com ele a melhor alternativa para solucionar a crise e reafirmar a união. Quando isso acontece... Todo mundo ganha!
83 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2008

As Cinco Linguagens Do Amor Para Solteiros

Casado ou solteiro, jovem ou velho, todo ser humano tem a necessidade emocional de sentir-se amado. Quando esta necessidade é satisfeita, estendem-se para alcançar o potencial para Deus e para o bem neste mundo. Todavia, quando falta o amor, esforçam-se apenas para sobreviver. O livro 'As cinco linguagens do amor' em todo o mundo despertou questionamentos em muitos leitores não casados. Gary Chapman conta que se sentia em dívida com centenas de jovens adultos que dividiram com ele suas histórias de como as cinco linguagens aprimoraram seus relacionamentos. Nesta versão escrita para solteiros, Dr. Chapman revela como verdades neste livro irão capacitar os adultos a aprender as habilidades que levam a amar e ser amado.
270 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão

AS CINCO LINGUAGENS DA VALORIZAÇÃO PESSOAL NO AMBIENTE DE TRABALHO

"Ele é assim mesmo, nunca vai mudar". "Ela sempre foi desse jeito, não espere mudanças". Essas duas declarações - recorrentes em muitos casamentos - revelam tanto uma atitude quanto um desejo. Se, por um lado, a queixa está relacionada a certa frustração por ter de conviver com traços de personalidade, hábitos, manias e vícios que o cônjuge possui ou mantém, por outro demonstra a expectativa reprimida de que, um dia, aquela pessoa que parecia tão perfeita na época do namoro poderá mudar para melhor. Há quem considere isso uma esperança vã. Mas não o dr. Gary Chapman. O autor de As cinco linguagens do perdão, As quatro estações do casamento, O casamento que você sempre quis e outros livros de sucesso, publicados no Brasil pela Editora Mundo Cristão, já viu muitos casos assim durante mais de três décadas como conselheiro familiar e matrimonial. Ele garante que é possível promover essas mudanças saudáveis no comportamento do cônjuge, e sem a necessidade de utilizar jogos psicológicos, chantagens ou outros tipos de manipulação. Os três fatores que regem esse processo (reconhecimento de que alguma coisa começou errada, compreensão quanto ao poder do amor e comunicação adequada) são analisados com inteligência e sensibilidade em Como mudar o que mais irrita no casamento, um guia de aprimoramento da relação conjugal.
80 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2007

A ESSÊNCIA DAS CINCO LINGUAGENS DO AMOR - BROCHUR

A essência das cinco linguagens do amor é uma versão condensada e revisada do best-seller As cinco linguagens do amor. Como na versão original, o objetivo é mostrar por que só nos sentiremos realmente amados e compreendidos quando a pessoa amada nos expressar seu amor através de nossa linguagem única. Aprendida na infância, ela sensibiliza e alcança, de maneira poderosa e plena, nosso jeito especial de nos sentir amados. Você já descobriu sua linguagem do amor? E a linguagem da pessoa a quem você ama? Então, descubra-as nas páginas deste livro.
80 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2008

FAZER AMOR

Deus se superou quando criou o sentimento do amor entre homens e mulheres, e o sexo como prática definitiva desse amor. Mas como tudo o que Deus criou e estabeleceu, com o tempo desvirtuamos os objetivos do Criador. Vivendo numa sociedade de extremos, em que ora vulgariza o sexo ora o conserva em tabu, temos dificuldade em desfrutá-lo até mesmo no casamento. Nele, o sexo é capaz de conduzir a relação aos mais elevados níveis de satisfação e estabelecer vínculos psicológico e espiritual únicos. Gary Chapman atesta em Fazer amor que o sexo, quando resultante do amor, torna-se não apenas uma experiência profundamente emocional e prazerosa, mas constitui fator de união e, consequentemente, de realização pessoal entre duas pessoas. No fundo, é isso que todos os casais querem, mas nem todos alcançam. Por isso, Gary Chapman, valendo-se de mais de 30 anos de aconselhamento conjugal, vem ajudar e orientar vocês. Vocês dois. Afinal este é um livro para ser lido a dois, embaixo do lençol.
87 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2010

COMO LIDAR COM A SOGRA

Além da mãe de juiz de futebol, poucas pessoas sofrem tanto na boca do povo quanto a sogra. Ela é enxovalhada sem dó nem piedade, e não apenas a sogra é constante motivo de chacota. Cunhados e cunhadas, noras e genros... cada um a seu modo entra sem pedir licença no dia-a-dia do casal reafirmando a máxima de que, quando se casa, o fazemos com toda a família. Caso você não tenha percebido, não basta apenas aprender a lidar com o cônjuge. Um relacionamento ruim com os demais membros da família cedo ou tarde poderá minar o casamento. Portanto, chegou a hora de fazer algo para construir uma relação saudável entre todos. Quando se trata de encarar um desafio de tal ordem, vale a pena ouvir o que Gary Chapman tem a dizer. Desta vez, o sábio e experiente conselheiro matrimonial apresenta sete princípios que poderão restaurar o relacionamento familiar, tornando a convivência tão sadia quanto desejada. Viver em harmonia com todos os membros da família deve ser prioridade máxima. Portanto, não dá pra ficar esperando que a outra parte tenha a iniciativa. Chapman irá ajudá-lo nessa tarefa.
112 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2009

O casamento que você sempre quis

Quando duas pessoas tomam a decisão de se casar, o fazem cheias de expectativas. Nada mais natural para noivos apaixonados. Mas não demora muito para que ambos constatem que naquele mar de rosas com que sonharam existem muitos espinhos. Então, que fazer? Fingir que está tudo bem e suportar o sofrimento passivamente? Acabar com o compromisso mútuo assumido diante de Deus - o que, em última análise, também gera sofrimento? Em O casamento que você sempre quis, Gary Chapman apresenta uma terceira alternativa, muito mais sensata para vencer as dificuldades do casamento e evitar a dor da separação.Temas como diferença de temperamentos, divisão de responsabilidades, importância das decisões tomadas a dois, relacionamento com pais e sogros, e administração financeira do lar são tratados com objetividade a partir de orientações contidas nas Escrituras para homens e mulheres que levam a sério a expressão "até que a morte os separe".
160 páginas | publicado por Editora Mundo Cristão em 2005
  1    2    3    4    5    6    7    8    9    10   Próxima »   Última página »