PDF sobre scielo - editora unesp: 1 a 10 de 100 livros digitais em Português para o Kindle da pesquisa em BuscaPDF [am]

Edite e converta arquivos PDF para Word, Excel, PowerPoint e HTML de forma rápida e eficiente

Políticas de segurança pública no estado de São Paulo: situações e perspectivas a partir das pesquisas do Observatório de Segurança Pública da UNESP

https://www.amazon.com.br/Pol%C3%ADticas-seguran%C3%A7a-p%C3...
Esta obra apresenta os resultados de uma investigação sobre as políticas de segurança pública, no Estado de São Paulo, no período de 1989 a 2008, realizada por pesquisadores vinculados, direta ou indiretamente, ao Observatório de Segurança Pública da Unesp, campus de Marília (OSP). Durante tal período, que se iniciou com a promulgação de uma nova Constituição, marcada por um amplo repertório de direitos, a segurança ganhou foro de preocupação nacional, estando presente nos principais órgãos da imprensa e nos debates legislativos. Daí a importância deste livro, que analisa sob diferentes perspectivas um vasto leque de problemas afetos à segurança pública, como por exemplo, a eficiência e os limites da ação policial, o acesso à justiça, a reforma da legislação penal, a reforma das prisões, o controle do crime organizado, da corrupção e da própria ação policial, o policiamento comunitário, entre outras iniciativas que merecem ser recenseadas e melhor avaliadas. São temas da maior atualidade e urgência.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2009
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 553 páginas

Mulheres em foco: construções cinematográficas brasileiras da participação política feminina

https://www.amazon.com.br/Mulheres-foco-constru%C3%A7%C3%B5e...
O cinema como objeto de estudo para verificar o modo pelo qual a resistência política à ditadura militar foi representada no período a ela posterior, dando destaque à participação feminina. A análise fílmica possibilitaria observar quais elementos estariam presentes em cena para retratar tal questão, e os estudos de gênero permitiria debater de que forma as relações sociais entre os sexos eram abordadas nos filmes selecionados. Trata-se, portanto, de compreender não apenas como a resistência à ditadura é representada, mas, sobretudo, como esse passado é reconstruído nas diversas formas em que pode ser materializado pela perspectiva feminista, considerando que esta trabalha com elementos fundamentais na luta em torno da memória e pelo reconhecimento de histórias esquecidas. Nesse sentido, procuro privilegiar os pontos onde se cruzam os estudos da memória e o pensamento feminista, visto que este atinge profundamente as necessidades de um resgate histórico ao denunciar o esquecimento de reivindicações, lutas e ações das mulheres.
Autoria: Danielle Tega
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2010
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 369 páginas

Jovens, violência e escola: um desafio contemporâneo

https://www.amazon.com.br/Jovens-viol%C3%AAncia-escola-desaf...
Esta coletânea reúne textos resultantes de reflexões e pesquisas de professores de Universidades de diferentes países da America Latina tais como Brasil, Argentina e Uruguai e de países da Europa como França, Inglaterra e Espanha. Os textos procuram fazer uma reflexão a respeito da relação jovem violência e sociedade. Deste modo os textos tratam da violência como constituinte do ser humano relacionando-a à globalização e a outros processos sociais. São textos de pesquisadores brasileiros, de outros paises da América Latina e da Europa que se debruçam sobre a questão de jovens e violência, abordando aspectos como: internação de jovens em casas correcionais como uma das respostas da sociedade para o enfrentamento da violência juvenil; as diferentes formas e dimensões da violência como a violência de gênero, relações interpessoais nas instituições; a relação com o outro e a demarcação das diferenças e o imaginário presente no âmbito escolar e social.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2010
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 465 páginas

Suicídio revolucionário: a luta armada e a herança da quimérica revolução em etapas

https://www.amazon.com.br/Suic%C3%ADdio-revolucion%C3%A1rio-...
Como se processa a idéia de revolução brasileira na última esquerda comunista - que mantinha substantiva inserção sindical e o intuito da revolução social em seu programa - e na principal facção emergida da depleção dessa última esquerda é o objeto nuclear deste livro. Por via de conseqüência, esta pesquisa coloca em relevo os acontecimentos que culminaram na derrota completa dessa esquerda; derrota ocorrida através de uma dupla falência, id est, o seu esvaziamento teórico e, simultaneamente, a sua morte física perpetrada por uma política de genocídio implementada pela ditadura bonapartista principiada em 1964. Neste livro é definida a figura central, quase exclusiva, de Carlos Marighella (1911-1969) no que se refere ao pensamento da esquerda de uma época, especialmente, ao pensamento da facção que emerge da esquerda comunista. Essa definição parte da constatação de que, num primeiro momento, Marighella foi a personificação das idéias hegemônicas dentro do Partido Comunista Brasileiro (PCB) e da esquerda comunista nacional por três décadas; e num segundo momento, o revolucionário fora o primus inter pares na reordenação tática da esquerda comunista, que é arrastada quase por completo para a luta armada contra a ditadura bonapartista.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2010
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 611 páginas

A crítica e o campo do jornalismo: ruptura e continuidade

https://www.amazon.com.br/cr%C3%ADtica-campo-jornalismo-rupt...
"O livro estuda as relações entre crítica e jornalismo buscando compreender os vínculos sócio-culturais e interpretativos existentes entre crítica literária, crítica cultural e crítica jornalística. Estruturado em cinco capítulos, o livro inicia com uma análise contextual das relações entre crítica e jornalismo, prossegue com o exame de um caso clássico de controvérsia crítica envolvendo o crítico Joaquim Nabuco e o escritor José de Alencar, ocorrido no Rio de Janeiro do final do século 19, época em que o exercício da crítica era feito nas páginas de jornal".
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2015
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 218 páginas

Cultura gaúcha e separatismo no Rio Grande do Sul

https://www.amazon.com.br/Cultura-ga%C3%BAcha-separatismo-Ri...
Este livro analisa o Movimento Separatista Sulino, muito marcante na década de 90. A reflexão tem como pano de fundo a cultura gaúcha e busca compreender como os aspectos étnicos e o separatismo interagem nesse contexto. Fundamenta o trabalho uma ampla pesquisa de campo composta por questionários e entrevistas, realizada em diversas cidades do Rio Grande do Sul. Para interpretar o ideário separatista a autora também dedica especial atenção aos documentos do próprio movimento. A obra reconstrói alguns aspectos da história do Rio Grande do Sul e da formação de um ideal separatista que constitui uma faceta do processo de globalização e do afloramento e fortalecimento de identidades específicas.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2009
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 192 páginas

De poeta a editor de poesia: a trajetória de Machado de Assis para a formação de suas Poesias completas

https://www.amazon.com.br/poeta-editor-poesia-trajet%C3%B3ri...
Autor dos mais estudados da literatura brasileira, a atuação de Machado de Assis como poeta, no entanto, só mais recentemente tem recebido a devida atenção da crítica. Sendo assim, o estudo de Fabiana Gonçalves vem suprir uma lacuna que de há muito era sentida pelos pesquisadores machadianos. A pesquisa com as Poesias completas, obra publicada em 1901, visou não apenas estudar a produção poética, como também investigar a figura do editor Machado de Assis na organização da antologia.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2015
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 404 páginas

Cultura contemporânea, identidades e sociabilidades: olhares sobre corpo, mídia e novas tecnologias

https://www.amazon.com.br/Cultura-contempor%C3%A2nea-identid...
Este livro reúne a reflexão acerca das identidades na cultura contemporânea,realizada por pesquisadores que participaram do Seminário: Cultura contemporânea, corpo e novas tecnologias: diálogos em torno das identidades. O objetivo geral das reflexões aqui apresentadas é tomar as inovações tecnológicas e seus impactos na vida cotidiana - particularmente na renovação e reinvenção de formas de sociabilidade e de construção de identidades - como uma chave privilegiada para o adentramento em meandros da cultura contemporânea. O corpo, suporte da cultura e território de construção de identidades, ao incorporar os recursos tecnológicos disponibilizados pelo mercado estético, como próteses, implantes, intervenções e tratamentos à base de laser, tem seu estatuto modificado e as fronteiras entre natureza e cultura passam a ser revistas em novos parâmetros, impondo novos desafios à reflexão sócio-antropológica. Este livro busca contribuir para este debate, somar um pequena centelha ao enorme esforço que se faz necessário no sentido de repensarmos as clássicas dicotomias conceituais que vem marcando a reflexão das ciências humanas e se demonstrando cada vez mais abaladas em seu alcance explicativo, frente às aceleradas transformações vivenciadas na vida social nesta modernidade do início do século XXI.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2010
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 555 páginas

Gestão, mediação e uso da informação

https://www.amazon.com.br/Gest%C3%A3o-media%C3%A7%C3%A3o-inf...
O livro "Gestão, mediação e uso da informação" vai ao encontro dos estudos teóricos e metodológicos de objetos e fenômenos que envolvem a gestão, a mediação, uso e apropriação da informação em distintos ambientes.
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2010
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 913 páginas

Chauvinismo e extrema direita: crítica aos herdeiros do sigma

https://www.amazon.com.br/Chauvinismo-extrema-direita-cr%C3%...
"Nesta obra, Jefferson Rodrigues Barbosa investiga as ramificações na sociedade brasileira do integralismo, movimento de extrema direita surgido no início do século XX e que teve em Plínio Salgado seu principal líder. O objetivo da pesquisa aqui coligida é compreender a configuração ideológica da militância integralista, relacionando suas concepções e seus valores com o ideário que originou tal perspectiva política.Para tanto, foram identificados, analisados e arquivados durante cinco anos, entre 2007 e início de 2012, os conteúdos de publicações impressas e digitais, assim como reportagens jornalísticas, vídeos e documentários das organizações chauvinistas nacionais e internacionais. O resultado é um quadro diverso e complexo sobre como atua o integralismo hoje em dia, bem como quais são suas estratégias para divulgar seu pensamento."
Publicado por: SciELO - Editora UNESP | Data de publicação: 01/01/2015
Detalhes sobre o livro digital: eBook Kindle, 913 páginas
[1] 2345Mais
© 2017 BuscaPDF.com.br - Todos os direitos reservados