PDF sobre direitos humanos: 1 a 10 de 869 arquivos da pesquisa em BuscaPDF [gl]

Álbum de Figurinhas Oficial da Copa do Mundo da Rússia 2018 - Colecione!

Direitos Humanos: Referências Essenciais

books.google.com.br/books?id=2cZodiyn9kgC&dq=direitos...
Este livro apresenta um panorama histórico dos direitos humanos e as mais importantes questões contemporâneas relacionadas ao tema. Tendo como marco de análise a Declaração Universal de 1948, organiza-se em seções que consideram os direitos do homem antes da promulgação, o próprio texto da Carta, e as mudanças que ocorreram após a Segunda Guerra Mundial.
Autoria: HILARY POOLE
Publicado por EdUSP
Detalhes sobre o arquivo: 488 páginas.

Direitos Humanos - De onde vêm, o que são e para que servem?

https://play.google.com/store/books/details?id=W53s8EtQWGcC&...
A obra Direitos Humanos: De onde vêm, o que são e para que servem? Contém um resumo da evolução histórica dos direitos humanos e da sua definição e principais características, assim como o enunciado dos principais instrumentos existentes para promover e proteger estes direitos, a nível universal e regional. Embora com especial enfoque na situação de Portugal, a obra destina-se a ser utilizada em todos os países de língua portuguesa, nomeadamente como ferramenta de apoio a acções de educação e formação em matéria de direitos humanos. Esta obra foi pensada para públicos universitários, em particular nas áreas do Direito e das relações internacionais, mas também para grupos profissionais cuja actividade possa ter um especial impacto sobre o gozo dos direitos humanos, como magistrados judiciais e do Ministério Público, advogados, polícias e assistentes sociais. Observações: PARCERIA COM PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA
Publicado por Leya em 20/02/2013
Detalhes sobre o arquivo: 488 páginas.

Direitos humanos

books.google.com.br/books?id=_urYp2zledgC&dq=direitos...
Dividido em três partes, este livro apresenta pensamentos sobre os impasses gerados para a construção de uma política de Direitos Humanos em uma sociedade cada vez mais desigual e violenta.
Autoria: Regina Novaes
Publicado por Mauad Editora Ltda em 18/07/2018
Detalhes sobre o arquivo: 174 páginas.

Educação em Direitos Humanos para o Século XXI Vol. 5

books.google.com.br/books?id=Ta2G-YFD1hYC&dq=direitos...
Educação em Direitos Humanos para o Século XXI é uma abrangente fonte para o treinamento e a educação acerca dos direitos humanos e suas liberdades fundamentais. Os colaboradores são ativistas experientes, especialistas em educação e representantes de diversas organizações governamentais internacionais. Em seus artigos, fornecem um amplo leque de ideias e propostas para iniciar, planejar e implementar programas de educação que mostram uma grande variedade de possibilidades, formais e não formais, para a defesa desses direitos essenciais. O livro apresenta também interessante discussão teórica sobre o tema, e analisa os diferentes contextos sociais e históricos, incluindo, ao final, seções dedicadas ao treinamento de professores, à educação de adultos e de comunidades, e ao levantamento de fundos para programas voltados à promoção e à difusão dos direitos humanos.
Publicado por EdUSP em 18/07/2018
Detalhes sobre o arquivo: 888 páginas.

O que são direitos humanos das mulheres

https://play.google.com/store/books/details?id=8mgvDwAAQBAJ&...
Sempre houve preconceito contra a discussão das questõs específicas das mulheres. Não se concebia que mulheres violentadas por seus maridos/companheiros, espancadas e assassinadas sob a alegação de defesa da honra tinham seus direitos humanos violados. Considera-se normal que mulheres tenham salários mais baixos que homens, que mulheres sejam alvo das ações masculinas de assédio sexual, de estupro e demais tipos de violência de gênero. É como se os direitos do homem incluíssem os da mulher, ou como se estes fossem secundários. A exclusão da cidadania das mulheres está arraigada em nossa cultura. É preciso tratar o tema recuperando os conceitos históricos e as lutas políticas já travadas para conquistar a igualdade. Consolidar os direitos humanos das mulheres é prioridade para uma sociedade justa e digna.
Publicado por Brasiliense em 08/09/2017
Detalhes sobre o arquivo: 130 páginas.

Psicologia e direitos humanos

books.google.com.br/books?id=7b3apxuJWM8C&dq=direitos...
Neste volume Psicologia e Direitos Humanos - subjetividade e exclusão a comissão divulga os trabalhos apresentados no III Seminário Nacional de Psicologia e Direitos Humanos (realizado em 2001), no IV Seminário e no IV Encontro Nacional das Comissões de Direitos Humanos do Sistema Conselhos de Psicologia.
Publicado por Casa do Psicólogo em 18/07/2018
Detalhes sobre o arquivo: 242 páginas.

Direitos humanos e sua efetivação pela Corte Interamericana de Direitos Humanos

books.google.com.br/books?id=91Av4Z20VhUC&dq=direitos...
A realidade que se pretende descortinar, neste trabalho, é a da existência de um sistema de Direitos Humanos. A partir do reconhecimento de que os Tratados de Direitos Humanos são concebidos não como meros enunciados de valores, mas dotados de força cogente, vinculante e efetiva, os Estados assumem o dever de cumpri-los e de fazê-los cumprir dentro das fronteiras de sua soberania. Neste sentido, os direitos humanos, como frutos de uma conquista alcançada ao longo da existência humana, transbordam as fronteiras dos Estados soberanos, para estabelecer regras de cooperação e de solidariedade universais.
Publicado por Editora del Rey em 18/07/2018
Detalhes sobre o arquivo: 200 páginas.

Universalismo e direitos humanos

books.google.com.br/books?id=sn9N61dkqcMC&dq=direitos...
Publicado por EDIPUCRS em 18/07/2018
Detalhes sobre o arquivo: 200 páginas.

Direitos humanos e bioética

books.google.com.br/books?id=5qa70-LNHG4C&dq=direitos...
Publicado por UFAL em 01/01/2002
Detalhes sobre o arquivo: 271 páginas.

O Reconhecimento dos Direitos Humanos LGBT: De Stonewall à Onu

https://play.google.com/store/books/details?id=iCA0DwAAQBAJ&...
A promessa de um futuro diferente, onde todas as pessoas nascem livres e iguais em dignidade e direitos, está por vir. É assim que Patrícia Gorisch termina este belo trabalho, em que traça a trajetória de um segmento da população que sempre foi condenada à invisibilidade, à exclusão social. Coragem e sensibilidade não faltam à autora que examina, com especial habilidade, a Resolução do Conselho de Direitos Humanos da ONU, de junho de 2011, que, pela primeira vez na história, declarou que os direitos LGBT são direitos humanos. Desde 1969, ano em que ocorreu a rebelião no bar americano Stonewall, muito se avançou para que a diversidade sexual e a identidade de gênero sejam tratadas como direitos fundamentais de todos os seres humanos. Mas há muito ainda a ser feito. Basta atentar que há 25 anos as uniões homoafetivas não eram reconhecidas em nenhum país do mundo. Foi a Dinamarca, no ano de 1989, que admitiu a união civil, mas ainda fora do direito das famílias. Há 15 anos os homossexuais não podiam casar. Tal só foi possível a partir de 2000, na Holanda. No Brasil, os marcos temporais são outros. Data do ano de 2000, a primeira decisão judicial admitindo a união entre pessoas do mesmo sexo como uma entidade familiar. Somente em 2011 o Supremo Tribunal Federal reconheceu a união homoafetiva como união estável, com os mesmos direitos e obrigações da união heteroafetiva. Data do ano de 2013 a resolução do Conselho Nacional de Justiça que impede que se negue acesso ao casamento. Ou seja, só neste século é que avanços significativos ocorreram. Mas é indispensável que a homofobia seja criminalizada, que direitos sejam estabelecidos legalmente. Não ver, não assegurar a todas as pessoas a tutela jurídica, independente de sua orientação sexual ou identidade de gênero, é a forma mais perversa de punir quem só quer ter direito de viver sua vida, de amar, de ser feliz. Afinal, o direito à felicidade é o mais humano de todos os direitos humanos.
Publicado por Appris Editora e Livraria Eireli - ME em 01/01/2014
Detalhes sobre o arquivo: 122 páginas.
[1] 2345Mais
© 2018 BuscaPDF.com.br - Todos os direitos reservados